DSC_0174

Conhecendo a região do Lago Mývatn, no norte da Islândia

Esse post deveria ter sido publicado aqui há algumas semanas atrás, confesso. Cerca de mais ou menos um mês atrás, passei um dos meus dias de folga em uma das regiões mais incríveis do país. Enquanto a maioria dos turistas explora apenas a região sul, a região norte acaba sendo esquecida em alguns momentos e digo com toda a sinceridade do mundo: ela não merece esse descaso. É na região norte que fica a maior cachoeira em volume de água da Europa, é nela também que ficam Hengifóss e Gódafóss, duas cachoeiras incríveis e conhecidas no país (Gódafóss é minha preferida e nós já falamos sobre ela por aqui).

É aqui também, na região norte, que fica o maior lago do país: o Lago Mývatn. Situado em um área de intensa atividade vulcânica e próxima ao vulcão Krafla, acredita-se que tenha surgido a 2300 anos atrás, após uma enorme erupção de lava basáltica. Seu nome significa “lago dos mosquitos”, pela quantidade significativa de mosquitos na região durante o verão e seu tamanho é de 37 Km².

A região do Mývatn abrange não só o lago, mas também campos de atividade vulcânica, vulcões, lagos geotermais, campos de rochas vulcânicas e várias espécies de pássaros (só de patos foram contadas 17 espécies). Mas um dos fatos mais interessantes sobre a região é que ela foi usada pelos astronautas entre 1965 e 1967 para treinamento, antes de irem para a lua. Dos 12 astronautas que pisaram na lua 9 treinaram na região do Lago Mývatn, incluindo o famoso e aclamado Neil Armstrong. A região é uma das mais parecidas com a superfície da lua (e há quem diga que se parece com Marte também) do mundo.

Dica preciosa: a região tem muito vento, então, se estiver de viagem para cá, se agasalhe bem! Mesmo que a temperatura não esteja baixa, é melhor passar calor do que frio por aqui!

DSC_0122DSC_0123DSC_0124DSC_0125DSC_0127DSC_0129DSC_0131DSC_0133DSC_0134DSC_0136DSC_0138DSC_0146DSC_0148DSC_0150DSC_0156DSC_0161DSC_0162DSC_0171DSC_0169DSC_0168

_

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE:

5 razões para não viajar pela Islândia como o Justin Bieber

As geleiras da Islândia

As 35 coisas mais estúpidas para se fazer em uma viagem pela Islândia

Aurora Boreal na Islândia

Destaques,Dicas,Islândia,Roteiros Bruna Sturzbecher 13 nov 2015

Deixe seu cometário