DSC_0970

6 cachoeiras que você precisa conhecer na Islândia

Uma das coisas mais incríveis sobre esse país (que é cheio de coisas incríveis), é a quantidade de cachoeiras espetaculares que ele tem. Dessas dezenas de cachoeiras, tivemos a oportunidade de conhecer 6 das mais famosas. Lugares inóspitos, águas límpidas, natureza inexplorada: encontramos tudo isso por lá e agora registramos tudo por aqui.

Gullfoss

Ao longo do rio Hvitá, Gullfoss é a cachoeira mais conhecida e visitada da Islândia. Gullfoss significa “Cachoeira de Ouro”, possivelmente a razão de o nome da rota onde ela está se chamar Golden Circle (uma das rotas de turismo mais famosas e mais visitadas da Islândia), que significa “Círculo de Ouro”.

DSC_0970

No início do século XX, essa cachoeira quase foi submersa por uma represa hidroelétrica. Isso só não aconteceu porque a filha do dono da propriedade, Sigríður Tómasdóttir, ameaçou se jogar da cachoeira caso o projeto continuasse. A justiça, na época, decidiu contra ela, mas a companhia acabou cedendo à pressão pública e como conseqüência, o contrato expirou.

tumblr_inline_n9amgstEjO1rvx56y

Goðafoss

Nossa cachoeira preferida, Goðafoss é uma cachoeira que fica ao norte da Islândia, em um lugar bem remoto, com suas águas azul-turquesa. Era mais de uma da manhã quando chegamos lá e ainda estava claro, já que no verão, na Islândia, o sol quase nunca se põe.

DSC_0542

Reza a lenda que Þorgeir Ljósvetningagoði, líder do povo da Islândia por volta do ano 1000, precisava decidir se o povo continuaria sendo pagão ou se seria convertido ao cristianismo. Ao decidir pelo cristianismo, foi até a cachoeira e jogou todas as imagens e artefatos pagãos por lá. É por causa dessa história que a cachoeira foi nomeada “Goðafoss”, que significa “cachoeira dos deuses”.

DSC_0629DSC_0647DSC_0634

Hengifoss

Hengifoss é uma das cachoeira mais altas da Islândia, com seus 118 metros de altura. Ela possui camadas de basalto atrás da queda, onde é possível ver as listras (ou veios) vermelhos. Pra termos uma vista melhor dela, tivemos que percorrer 2,5 Km. Ao todo, foram 5 Km de caminhada, em uma subida absolutamente maravilhosa. A água na Islândia é tão limpa e tão fresca que é possível até beber. Nas cachoeiras não foi diferente. Aproveitamos para encher nossas garrafinhas.

DSC_0045DSC_0094DSC_0128

Detifoss

Detifoss é a maior cachoeira da Europa em volume de água. Tanto é que o seu nome significa “cachoeira indomável”. Ela possui 100 metros de altura e 44 metros de largura e seu consumo pode ir de 200 a 500 metros cúbicos por segundo! Ela está localizada  no Parque Nacional Jökulsárgljúfur e também fica ao norte da Islândia. Para chegar até o parque, é necessário sair da rota (Ring Road) e pegar uma estrada de chão e pedras.

DSC_0244 2

É essa cachoeira que aparece no filme Prometeus.

10543658_804056802961243_1261042893_n

Seljalandsfoss

Sem dúvida alguma, essa é uma das cachoeiras mais famosas da Islândia, pelo menos a mais fotografada. Era uma das que nós mais queríamos visitar, pelo tanto de fotos incríveis que víamos na internet. Essa cachoeira permite que você a veja de todos os ângulos, inclusive, dá pra ir caminhando e passar por trás dela, onde há uma gruta. O ruim é que não tem como não se molhar, por isso, parte das nossas fotos estão com pingos, sem contar nossos cabelos e roupas molhadas.

tumblr_inline_n8yvz7qTqm1rvx56ytumblr_inline_n8yvzjh4a41rvx56ytumblr_inline_n8yvyqEBNO1rvx56y

Fica a 127 Km da capital, Reykjavík.

Skógafoss

Skógafoss é também uma das maiores quedas de água do país, com uma largura de 25 metros e uma queda de 60 metros. Há uma lenda de que o primeiro morador da área, o viking Þrasi Thorolfsson, já na sua velhice, com uma grande fortuna e sem herdeiros, escondeu todo o seu ouro atrás da cachoeira e até hoje ninguém nunca conseguiu encontrar.

DSC_0674 tumblr_inline_n8yw6qmF8s1rvx56ytumblr_inline_n8yw7f3MAO1rvx56ytumblr_inline_n8yw8yXG9N1rvx56y

Fotos: Road For Two

Destaques,Europa,Islândia Bruna Sturzbecher 23 jan 2015

Deixe seu cometário